Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Sobre cruzeiros

30.06.14

Por esta altura quem por cá passa já está cansado de saber que adoro cruzeiros. Neste post vou tentar falar um pouco sobre cruzeiros e tirar algumas dúvidas que possam ter sobre o que acontece a bordo.

Todos os cruzeiros que fiz foram sempre na mesma companhia, Royal Caribbean, e embora os costumes a bordo sejam semelhantes em todas as companhias, tenham sempre em mente que estou a falar daquela que conheço. Se forem fazer algum cruzeiro noutra companhia convém sempre se informarem na própria companhia.

 

Pagamentos a bordo

Dentro do barco não se utiliza dinheiro. Quando fazem o check-in devem apresentar um cartão de crédito e nessa altura é criada uma conta associada a um cartão. Esse cartão para além de ser a chave do vosso camarote  é também uma espécie de B.i e multibanco durante toda a viagem. Sempre que adquirirem alguma coisa, mostram o cartão e vai tudo para a vossa conta que pode ser consultada na tv do vosso quarto. No final do cruzeiro o dinheiro é debitado do vosso cartão de crédito. Se não tiverem um cartão de crédito têm que levar dinheiro e no final do cruzeiro fazer um fila que pode ser bem longa para pagar. Na Royal a moeda utilizada a bordo é o dólar.

 

Comida e bebidas

O preço do cruzeiro não inclui bebidas alcoólicas e refrigerantes. Podem beber água, chá, café e alguns sumos mas outro tipo de bebidas são pagas. Existem pacotes à venda a bordo para refrigerantes, álcool e água engarrafada.

Relativamente a comida, o barco tem uma série de restaurantes onde podemos comer sem pagar absolutamente nada, mas tem também alguns especializados que são pagos.

 

Noites

As noites no restaurante principal do navio têm um dress code. Pode ser formal, casual ou smart casual. Essa informação é vos dada no compasso diário. O compasso é uma folha que todos os dias é deixada no vosso camarote com toda a informação sobre o que se irá passar no dia seguinte: actividades, espetáculos e horários de abertura e encerramento dos restaurantes.

Um cruzeiro de 7 noites costuma ter 2 noites formais.  Quem quiser pode sempre optar pelo restaurante Buffet  e vestir o que quiser, mas para ir ao outro que é um pouco mais luxuoso devem seguir o dress code. Digo devem porque existem sempre pessoas que vão e vestem o que lhes apetece e obviamente ninguém os corre de lá.

Todas as noites podem ainda usufruir dos espetáculos a bordo que valem muito a pena.

 

Excursões

As excursões não vêm incluidas no preço do cruzeiro e não são obrigatórias. Quem não quiser sair do barco não sai e quem quiser sair por conta própria também é livre de o fazer. Uma das vantagens das excursões reservadas pela Royal é que caso haja algum atraso o barco espera por nós porque sabe por onde andamos. Já se formos sozinhos e por algum motivo nos atrasarmos e perdermos o barco, a única opção é entrar no barco no porto seguinte.

Outra vantagem das excursões é que nem sempre os portos ficam perto dos sítios a visitar (como é o caso de Roma) e irmos de transportes num sítio que não conhecemos e muitas vezes apanhar horas de ponta faz-nos perder muito tempo. Indo de excursões evita-se muita xatice.

 

Eu já tinha feito um cruzeiro pelo Mediterrâneo em 2011. O percurso desta vez não foi igual e nos portos repetidos fui a sítios diferentes por isso foi como se fosse uma viagem completamente diferente. Este foi o percurso que fiz desta vez:

 

Irei fazer um post para cada porto com algumas dicas e sugestões de sítios a não perder.

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Diclosure Policy



2 comentários

Sem imagem de perfil

De Alda Lopes Moreira a 30.06.2014 às 16:06

Eu sou absolutamente doida por cruzeiros...já tive a sorte de fazer 10, o último este ano durante 14 dias (fiz o transatlântico desde Fort Lauderdale até barcelona).A companhia do meu coração é a Royal Caribbean, embora já tenha navegado no NCL Epic e no Carnival Breeze e tenha também gostado, apesar de sentir falta de muita da espectacularidade dos navios da Royal. Apesar de adorar ferias em resorts e em cidades (muitas vezes fazemos uns dias na cidade, outros no cruzeiro tipo NY e bermudas,Barcelona e cruzeiro, miami e caraíbas...) a nossa paixão são mesmo os cruzeiros...e ja transmitimos a amigos nossos que apesar de de inicio se negarem ficaram também com o bichinho.Adorei saber que há mais bloggers que partilham esta minha paixão (que é tão permanente que já estamos a escolher o cruise do próximo ano...não...14 dias no mar não nos fartaram!)
Imagem de perfil

De palpites_e_tal a 30.06.2014 às 16:14

Estou a ver que nos iamos dar bem! Eu fiz o primeiro com 14 anos, aliás, fiz 15 anos a bordo e desde aí a minha paixão só aumentou. Ainda só fiz 4, mas sempre na Royal :) Não consigo escolher um favorito, foram todos diferentes e especiais à sua maneira. Para mim é a melhor maneira de viajar!
O mais longe foi mesmo o do Alaska mas adorava fazer caraíbas.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



Me

image(4).jpeg


Select Language


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Facebook


Instagram- @palpitesetal


Places i've been


My moodboard



Follow on Bloglovin